Lidos de Setembro | 2017


Setembro finalmente acabou, e fim de mês significa o quê? Resumão dos livros que eu li! Confere aí os melhores (e piores) títulos de setembro!

Você também pode gostar: Lidos do mês | Agosto

Morangos Mofados, de Caio Fernando Abreu
Os bons frequentadores da internet conhecem bem o Caio Fernando Fernando Abreu, né? E eu queria conhecer a escrita dele, então resolvi ler o livro mais famoso. Morangos mofados é um livro de contos extremamente intimista, que conta sobre relações humanas. A escrita é fácil e flui super bem!

Um útero é do tamanho de um punho, de Angélica Freitas
Um dos meus preferidos do mês! É uma coletânea de poemas que segue um pouco a linha dos poemas da Rupi Kaur: feministas, bem escritos e que contam muito bem sobre o universo feminino. Amor, relações, o papel da mulher no mundo... 

Admirável mundo novo, de Aldous Huxley 
É um clássico que eu tinha começado há um bom tempo e nunca dei conta de terminar. Pra falar a verdade, achei um pouco maçante e nada demais. A história tem como base um futuro hipotético onde as pessoas são geradas em laboratórios e divididas por classe, bem estilo de ficção científica.

Dedo duro, de João Antônio 
Comprei na Black Friday da Amazon por R$4 (juro), aproveitando que o João Antônio é um autor brasileiro super prestigiado. Também é um livro de contos (gosto muito), mas achei a escrita um pouco confusa e complicada. São contos diversos e bem intimistas, que mostram a essência do ser humano.


Os piores da minha vida foram todos, de Evandro Affonso Ferreira
É curtinho e bem interessante. Faz parte da "trilogia do desespero", do mesmo autor. É um diálogo imaginário da personagem principal, que percorre as ruas da capital paulista enquanto divaga sobre sua vida e o que a trouxe até lá. 

Foe, de J.M. Coetzee
Meu amigo me emprestou esse (valeu, Ab!) e foi um dos mais incríveis que eu li! A história é uma adaptação de Robinson Crusoe (livro de Daniel Defoe), com a inclusão de uma mulher. Quando são resgatados da ilha, ela tenta vender a história para um escritor.

Pessoas que passam pelos sonhos, de Cadão Volpato
Mais um que comprei na Black Friday da Amazon!  É dividido em três partes e conta bem sobre a situação política durante a ditadura militar na Argentina e como isso teve reflexos aqui no Brasil. Esses reflexos esbarram nos personagens e nas relações familiares e suas memórias. 

O frio aqui fora, de Flávio Cafiero
Foi o último que li no mês. É a história de um homem que acaba perdendo sua namorada e a promoção de emprego ao mesmo tempo, e em meio à memórias, faz reflexões acerca de quem ele é e o que está fazendo com a vida dele. Com isso, tenta resgatar seu antigo sonho de ser escritor.

Terra sonâmbula, de Mia Couto 
Incrível, incrível, incrível! Esse romance com pitadas de fantasia descreve o cenário pós guerra civil em Moçambique e o caminho percorrido por um jovem e um velho. A narrativa lembra muito a escrita de Guimarães Rosa em "Os sertões".

Ufa! Li por setembro e por outubro também hahaha
Tem alguma dica de livro pra mim? Conta aí nos comentários!
Beijo 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.