Comendinho: Alimentação Alcalina


Se você prestou bastante atenção nas suas aulas de química, provavelmente vai lembrar o que é pH. Se não prestou (como eu rs), não se preocupa: é pra isso que o Google existe! O pH é basicamente uma taxa que mostra se o alimento é ácido (se o pH for menor que 7) ou alcalino (maior que 7). Ok, mas que diferença isso faz?

Segundo vários estudos, o nosso organismo foi feito pra ingerir alimentos alcalinos, porque seu pH é de 7,35 (levemente alcalino). Isso significa que alimentos ácidos em excesso (como frituras, açúcar, carne e refrigerantes) podem resultar em úlceras, osteoporose e até depressão. Além disso, a alimentação alcalina também promete a desintoxicação do corpo. Bacana, né?


Quais alimentos são alcalinos? Quase todas as frutas e vegetais são alcalinos. Além disso, grãos integrais, nozes, verduras, chás e proteínas magras. Eles são super importantes para a absorção de nutrientes, e como incluem várias fibras, ajudam na queima de gordura.

É uma alimentação interessante porque elimina os maiores inimigos da sua saúde: alimentos industrializados, cafeína, gordurosos e açúcares!


Se não se adaptar à essa alimentação, que tal comer todo dia algum alimento alcalino? Olha só a variedade: beterraba, nabo, cenoura, rabanete, repolho, brócolis, alho, limão, pepino e maçã!

Antes de qualquer mudança na sua alimentação, consulte um nutricionista e/ou nutrólogo, viu?
Beijo!

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.